O que fazer com o excesso de SCOBYs de kombucha

O que fazer com o excesso de SCOBYs de kombucha
Maio 11, 2020 Comentários fechados em O que fazer com o excesso de SCOBYs de kombucha Kombucha,Probióticos António Lopes

Para quem usa kombucha, Jun ou outras mães de vinagre, já sabe que as bolachas não param de nascer.

.

Existem várias opções para utilizar esse excesso, mas também é possível evitar que nasçam novas bolachas. 

.

COMO? 

1. Basta mexer o frasco uma ou duas vezes ao dia.

Isso fará com que não se forme uma nova bolacha à superfície do líquido.

.

.

2. Efectuar fermentações herméticas.

Apesar de funcionar, tem a desvantagem de não produzir ácido acético e portanto, com essa fermentação, não terão vinagre.

.

Se não gosta do sabor do vinagre, esta será uma boa escolha.

.

.

.

APROVEITAR O EXCESSO DE BOLACHAS

1. Doar. 

As novas bolachas andam a ser doadas há muitos séculos.

E, a não ser que tenha comprado a pessoas pouco honestas que vendem o que lhes foi dado, esta foi provavelmente a forma como a SCOBY chegou até si.

.

.

2. Hotel de kombucha 

O hotel é um frasco onde armazena as bolachas de kombucha extra.

.

Produz vinagre mais rapidamente e são uma espécie de cópia de segurança caso a sua fermentação corra mal e ganhe bolor.

.

Pode também utilizar estas SCOBYs em líquidos pouco usuais, como bebidas vegetais, leite, infusões variadas, para produzir diferentes fermentados.

(sim, funciona tudo!)

.

E pode usar as bolachas para “demolhar” leguminosas obtendo um efeito mais eficaz sobre os fitatos do que conseguiria com a demolha tradicional.

.

.

3. Comer

Sim, as bolachas, compostas maioritariamente por polissacarideos e celulose bacteriana, também se comem.

.

Se as cozinhar vai perder os benefícios probióticos.

Já as salteei, engrossei molhos, hambúrgueres, gelatinas, compotas, bolos ou outras sobremesas…

.

Cruas, gosto de as juntar a batidos, patês, cortadas aos pedaços misturadas com cogumelos variados, gelados…

.

Podem também cortar em tiras e desidratar para servirem de snack que pode ser acompanhado de molhos e cremes variados.

.

.

O seu sabor é neutro (dependendo do tipo de SCOBY), a consistência gelatinosa.

E podem sempre colocar em água para ajudar a retirar o sabor a vinagre.

.

.

4. Fazer massa mãe para panificação. 

É mais prático usar o líquido, mas pode liquidificar a bolacha (ou não) e juntar à farinha e água como Cultura Mãe para dar início ao seu isco.

.

.

5. Dar a animais. 

As galinhas e as cabras chamam-lhes um figo.

Os cães também costumam gostar. Sobretudo das desidratadas.

.

.

6. Compostagem

Tem horta? Aproveite.

.

.

7. Cosmética

Faz sabonetes?

Há quem adicione kombucha.

.

Usa máscara facial caseira?

Super fácil fazer uma com kombucha liquidificada e argila verde ou branca.

.

.

8. Saúde

Vários utilizadores já reportaram benefícios aplicação tópica da bolacha em casos de dermatites, por exemplo.

.

.

9. Arte

Vários artistas usam as SCOBYs secas como matéria prima para os seus trabalhos.

.

Há uns anos lembro-me de ter visto um artigo sobre um artista plástico que cultivava SCOBYs numa banheira para os ter suficientemente grandes para as suas peças.

.

.

10. Vestuário

Não sendo uma opção ao alcance do normal utilizador caseiro, fica aqui a referência à existência de vários produtos confecionados à base de SCOBYs de kombucha.

.

.

.

Saiba mais sobre a Kombucha / JUN:

kombucha e Jun

Contra-indicações e benefícios

A kombucha é uma mãe de vinagre

Que chá e infusões usar na Kombucha

Como armazenar o excesso de bolachas: Hotel

Outras utilizações para a kombucha

Vantagens de usar outras infusões com a kombucha
.

Sobre a capacidade dos microrganismos em alimentarem-se de vários açúcares
.
Alguns exemplos práticos:
Jun e leite

.
A bolacha albina: Kombucha e leite de vaca

.

.

.
~~//~~
.
.

APOIE O NOSSO PROJECTO:

Visite este site regularmente  e partilhe os nossos artigos.

.

Inscreva-se no nosso grupo do Facebook:

PROBIOTICAMENTE

m.facebook.com/groups/621311187988433

Saúde | Corpo & Mente

Alimentação, probióticos & suplementação;

Horticultura bio | Arquitectura sustentável
Higiene e cosmética naturais
(…)
.

.

.

{ apoie o nosso projecto. Saiba mais aqui }

 

Sobre o autor